31 de agosto de 2008

Café indigesto

O candidato à reeleição SBII viveu momentos de extremo desconforto hoje numa padaria da Av. Carlos Borges, onde tomou café da manhã.Uma cliente que estava com os filhos numa das mesas o abordou para reclamar do pouco caso da administração com um problema grave de inundação no Jardim São Silvestre, onde mora o pai dela. Silvio disse:"É meu próximo projeto". Diante da reação de descrença da mulher, ele tentou sair de fininho mas foi duramente questionado por uma estudante de veterinária que se encontrava na mesma mesa:"Prefeito, é um crime o que vocês estão fazendo com os cachorros recolhidos ao Centro de Zoonozes. É uma verdadeira eutanásia". O prefeito-candidato não gostou e a temperatura no local subiu quase ao nível do pãozinho que acabava de sair do forno.
Cheguei à padaria quando a quizumba já tinha acabado, mas o que ouvi dos presentes deve ter deixado o alcaide com a orelha pegando fogo durante todo este domingo.

30 de agosto de 2008

Eu não tinha observado isto

"Ouvindo a música de campanha do candidato a prefeito Sílvio Barros, observei que a primeira parte da mesma é parecidíssima com a música feita por Messias Mendes e utilizada por João Ivo Caleffi, dois anos atrás, durante a campanha para deputado federal".
. Do blog do Elias Canuto Brandão

Meu comentário: confesso que eu não tinha percebido a semelhança, se é que ela existe mesmo. Como sei que o professor Elias está sempre de antena ligada a tudo , acho que pode haver semelhança sim. Vou prestar mais a atenção.Lembrando que áquela música foi adaptada para esta campanha de prefeito. E deveráser utilizada logo. Mas quem quiser ouvi-la basta acessar o site do candidato do PMDB.

Recordar é viver

"O discurso do resgate da auto-estima não serve para a população do Cj Santa Felicidade, pois ali a auto-estima não foi construida, portanto, não pode ser resgatada".
. Do prefeito Silvio Barros II, em resposta a pedido de informação da Câmara sobre a polêmica o PAC do desfavelamento na Maringá sem favelas.

Arrastão

A estratégia é jogar tudo o que for possível para não ter segundo turno. O rolo compressor vai aumentar daqui pra frente porque, embora pareça, nem tudo está azul na América do Sul.

29 de agosto de 2008

Campo Mourão

Tauillo no cangote do Tureck

A disputa da prefeitura de Campo Mourão ficou mais acirrada. Segundo o Ibope, divulgado ontem, Nelson Tureck, do PMDB, tem 45% das intenções de voto, contra Tauillo Tezelli, do PPS, que se aproximou e agora aparece com 39%.
. Do blog de Fábio Campana

Silvio Santos vem aí!

BAÚ DA FELICIDADE



. Do blog do Rigon

PS: é de fazer inveja ao caminhão do Faustão

28 de agosto de 2008

As pernas curtas da mentira

Carta enviada para a redação do jornal O Diário por um membro da ONG Transparência Brasil:
"Foi com surpresa que a Transparência Brasil soube de uma declaração do senhor Silvio Barros (PP). Em entrevista ao Diário de Maringá, Barros disse que a Brasil reconheceu Maringá como referência nacional pela transparência de seu serviço público.
Nenhum dos integrantes da Transparência Brasil autorizados a falar em nome da entidade se pronunciou a respeito de Maringá, em momento algum.
Solicito a gentileza de esclarecer a posição da Transparência Brasil aos leitores deste jornal.
Fabiano Angélico
Coordenador de projetos
Transparência Brasil"

Não chore ainda não...



Esta vaquinha foi vista pastando nos fundos da Catedral e em frente à Câmara Municipal de Maringá. Estava alí para consolar alguns aspones demitidos de suas funções por conta de uma tal súmula vinculante do STF.
. Charge pinçada do Blog do Lauro Barbosa, que assessora uma vereadora mas não é nepote.

27 de agosto de 2008

Feitiço contra o feiticeiro

A coligação do candidato Sílvio Barros entrou com ação na 66a. Zona Eleitoral contra João Ivo e o candidato a vereador Vilson Brasil, sob a alegação de que ambos fizeram campanha dentro da Penitenciária. E anexou à petição, fotos de João Ivo e Brasil no interior da PEM. Só que a foto era de 13/11/2006 e tratava-se de uma festa dos agentes penitenciários (Brasil é agente licenciado) à qual João Ivo fora como convidado. Na mesmo pedido de punição para os candidatos do PMDB, a coligação de Sílvio anexou um CD com fotos do vice-governador Orlando Pessuti, que segundo os advogados do candidato à reeleição, estava na PEM fazendo campanha para João Ivo. Ocorre que as fotos do CD em que Pessuti aparece com João Ivo são da inauguração do comitê do candidato peemedebista.
Diante da farsa evidente, o juiz julgou a ação improcedente e mandou abrir processo criminal contra Sílvio por ele ter pedido a cassação do registro de candidaturas de forma temerária e mentirosa.

Outro resultado adverso ao prefeito:
Silvio Barros representou contra o programa de vereadores de João Ivo, alegando que aparece a foto do candidato a prefeito em tamanho grande. Por isso pediu aplicação de multa e suspensão do programa (autos 242/2008). O juiz da 137 Zona Eleitoral julgou esta ação improcedente, com o seguinte despacho: “ Desta vez não aplicarei qualquer sanção à representante como pretendido pela representadas às fls 11/12. Mas algo terei de fazer se a representante voltar a ser absurdamente impertinente (inclusive junto à OAB). O recado está dado”.

MP pede cassação da candidatura de Sílvio

A coligação Governo para Todos, de João Ivo, representou contra a Coligação Maringá Cada Vez Melhor, de Silvio, pelo uso de placas de obras no mesmo formato e layout do material de campanha do prefeito e também pela projeção de obras ainda em fase inicial. O juiz da 66a. Zona Eleitoral mandou notificar a Prefeitura e o procurador geral Laércio Fondazi esclareceu (às fls.55 dos autos) que as placas foram colocadas em maio e retiradas em 02/08/2008, ou seja, quase um mês depois de iniciado o período eleitoral. O município, então, confessou o ilícito, fato que levou o Ministério Público a se pronunciar pelo pedido de cassação do registro da candidatura de Sílvio Barros II. Diz o promotor: “ Tenho que as placas cujas fotos estão às folhas 08/14 dos autos, efetivamente configuram propaganda institucional indevida do representado. Como se vê da análise desses documentos, não se faz alí propaganda de produtos e serviços que tenham concorrência no mercado, único tipo de propaganda permitida nos três meses anteriores ao pleito. “ Por mais que se saiba que as placas permaneceram depois do dia 02/08, o documento do município por si só, já comprova a irregularidade” , diz o advogado de João Ivo, Rogério Calazans, nas alegações finais.

Nada com nada

"Na matéria publicada ontem em O Diário sobre o erro da TV Maringá (Band), que tirou os programas de três candidatos a prefeito do ar na noite da última sexta-feira, dá pra perceber quem é quem na campanha.
A Band já foi multada, em 2004 e agora, por causa de seu comportamento em favor de Silvio II (PP), mas há quem não veja nada de mal nisso. Enquanto os assessores de João Ivo (PMDB) e Wilson Quinteiro (PSDB) destacaram o prejuízo que tiveram, e anunciaram que buscam reparação, o assessor de Enio Verri, do PT, Reginaldo Benedito Dias - imortal como Ademar Schiavone e Ulisses Maia -, disse não acreditar que houve má fé. "Não vamos nos mobilizar em torno disso", afirmou. É por essas e outras que não dá pra levar a sério o PT como candidatura oposicionista em Maringá...

. Do blog do Angelo Rigon

Fim de festa

"A tristesa baixou de vez nos corredores da Câmara. É que ontem começaram a ser demitidos os primeiros parentes dos vereadores “nepotistas”. Acabou a têta. Tinha até recém-desempregado reclamando como é que irira fazer para continuar pagando a prestação do “carrão”. Sifu… Até o dia 30 a limpeza terá que ser geral".

. Do blog do Lauro Barbosa

Tá na cara

O abuso do poder econômico e o desrespeito à legislação eleitoral em vigor está nas ruas de Maringá e no vídeo. Só não ver quem não quer.

26 de agosto de 2008

Haverá uma cadeira vazia mesmo assim


No debate da Band programado para o dia 4 de setembro haveria uma cadeira vazia? Certamente. Mas a Rede Bandeirantes manterá o debate para as suas demais emissoras. E haverá uma cadeira vazia, a do Canal 6 de Maringá.

Debate cancelado

O Sinteemar cancelou os debates que faria com os candidatos a prefeito de Maringá a partir de primeiro de setembro. Cada dia seria um candidato, que discutiria com a comunidade acadêmica seu plano de governo. O cancelamento se deu em virtude da demora da Justiça Eleitoral em homologar o regulamento proposto. Portanto, nada a ver com as razões do cancelamento feito pela TV Maringá (Band).

Ibope na área

O Ibope não desistiu de fazer pesquisa eleitoral em Maringá por causa da impugnação da sua primeira sondagem. O instituto tem contrato com a RPC e como parte desse contrado já estaria se preparando para baixar por aqui. O resultado deve sair logo, provavelmente nos próximos 5 ou 6 dias, lá pra segunda-feira.

24 de agosto de 2008

Da professora Marta Bellini

"Li o Blog do RIGOn antes de viajar. Li o comentarista AKINO maringa. Concordo com ele. O que tenho visto nessas dias que antecedem as eleições municipais em Maringa é um monte de gente limpando, trabalhando na cidade. Tudo tem que ficar limpinho. Meu medo é com a limpeza étnica. Explico: nas eleições passadas quase apanhei de uma senhora dos pepistas no colégio em que fui votar. Ela gritou comigo: CIRCULANDO! Eu havia parado na porta da escola (fora do espaço, portanto) e mesmo assim a senhora pepista queria me limpar da área. Que meda que dá! Esse ano vou com escolta. Se alguma pepista me parar vou para cima com direito a polícia e Ministério Público. Tô avisando que não admito policial pepista nas minhas costas".

23 de agosto de 2008

Por que será?

"Vizinhos informaram – manifestando indignação – que nesta manhã (23/08), durante minha ausência, nossa residência foi fotografada de vários ângulos, por dois irmãos, um candidato a prefeito e outro a vereador. Gostaria de receber cópias das fotos para divulgação neste espaço, com os direitos autorais garantidos.
Questionamentos dos vizinhos: Para que as fotos? Por que da sua casa? O que farão com elas? Por que não tiraram da minha e somente da sua? É para algum programa eleitoral?"
. Do blog do Elias Brandão

Meu comentário: O Elias, que é professor universitário, tem em sua casa um baner do candidato João Ivo. Isso diz alguma coisa?

A lambança

Aproveito este momento de pausa da correria louca da campanha pra comentar a lambança de ontem à noite nas TVs locais. Um oficial de justiça, de nome Luciano, levou uma notificação do juiz eleitoral, pedindo substituição das inserções de tres candidatos. Inserções são aqueles programetes de 15 e 30 segundos que entram ao longo das programações dos canais. O juiz havia decidido favoravelmente a representação da coligação "Maringá cada Vez Melhor", que alegava estarem as inserções de Enio Verri, Wilson Quinteiro e João Ivo em desconformidade com a lei, pois as vinhatas eram feita em computação gráfica. Sem entrar no mérito dessa questão , pois ordem judicial não se discute, cumpre-se, quero me ater apenas à disposição do servidor da justiça em tirar não só as vinhetas, mas os programas do ar. Na TV Maringá conseguiu. Um erro terrível e um prejuízo gigantesco para as coligações atingidas.
Vale a lembrança de que dia desses um cidadão tentou tirar uma faixa do candidato João Ivo que estava colocada numa residência na avenida Kakogawa. A moradora não deixou e ele ameaçou voltar lá com o juiz. Não voltou. Só pra constar: ele se identificou como oficial de justiça. Coincidentemente , disse se chamar Luciano.

Em tempo: a propósito da TV Maringá a emissora cancelou o debate do dia 4 de setembro. O primeiro foi bastante engessado e na reunião com as coordenações de campanha para definir o regulamento do segundo debate, as regras foram alteradas, de forma a permitir um debate mais direto e aberto entre os candidatos. Sete dos presentes concordaram com a alteração. Um apenas, justamente o representante do candidato à reeleição discordou. Coincidência? Não sei, o fato é que o debate foi cancelado, embora a Rede Bandeirantes mantenha o espaço aberto para que isto aconteça em todas aspraças.

Devagar,mas não parando

23.08.08
Estou sem postar já faz uns dias. Pura falta tempo. Por enquanto este blog vai continuar assim, meio a passo de tartaruga...devagar, quase parando, mas sem parar

19 de agosto de 2008

Fé em tempo de globalização

Dia desses estava eu piruando os canais abertos e parei na pregação de um pastor que falava em rede nacional, pela Band se não me engano. Não me lembro o nome dele, mas o cara era um artista perfeito,brincava com as palavras; um gestual de dar inveja a Edir Macedo. Com a diferença que é um pastor moderno, pois não havia coleta em espécie, o negócio era na base do boleto bancário. Apontando para a "seleta" platéia diz o pregador: " Deus acaba de tocar no coração de cada um de vocês, para que todos contribuam com a obra do Senhor". Não tinha "aleluia!!", apenas uns homens bem trajados, de terno preto, distribuindo boletos bancários. E a voz do pastor ao fundo, orando e dizendo que aquele que achasse que não deveria contribuir que não contribuísse, porque Deus não ia se zangar com ele, não. Mas resaltava que Deus ficaria muito feliz com aqueles que se dispusessem a pegar os seus boletos e depois comparecessem a uma agência bancária, nos vencimentos certos, para depositar a sua prestimosa contribuição para a obra do Senhor Jesus. Amém?

Debate ficou pra dia 4

Agora é oficial: a Band transferiu mesmo o debate dos candidatos a prefeito de Maringá do dia 28 para o dia 4 de setembro. A decisão vem de São Paulo. É que tiveram que mexer em toda a grade de programação, devido as Olipíadas e ao horário eleitoral. Mas isto já era previsto, certo? Era sim, mas o que não dá pra prever direito é o que vai na cabeça dos cabeças...de rede.

Debate ficou pra dua 4

Agora é oficial: a Band transferiu mesmo o debate dos candidatos a prefeito de Maringá do dia 28 para o dia 4 de setembro. A decisão vem de São Paulo. É que tiveram que mexer em toda a grade de programação, devido as Olipíadas e ao horário eleitoral. Mas isto já era previsto, certo? Era sim, mas o que não dá pra prever direito é o que vai na cabeça dos cabeças...de rede.

Importante, mas nem tanto

A propaganda política no rádio e na TV está começando hoje. Os candidatos a prefeito aparecem neste primeiro dia só nas inserções de 15 e 30 segundos. Muita gente aposta principalmente na Tv para ganhar a eleição. Sem dúvida que a televisão é importante, mas não é tudo. Os especialistas avaliam que seu poder de influência não passa dos 25%, isso devido ao desinteresse que os programas eleitorais despertam.
O que faz a diferença é a capacidade do candidato de conquistar votos e, claro, a estrutura de campanha. Neste sentido, Maringá tem cinco candidaturas de chegada e tres, de marcação de posição e conquista de musculatura partidária. Dia um especialista que " o uso repetitivo da televisão nas campanhas eleitorais reduziu seu efeito. É como um antibiótico que foi usado muitas vezes no mesmo paciente". Concordo em parte, porque apesar do desinteresse, que se registra apenas no início da propaganda, a Tv e o rádio ainda fazem a diferença. E como!

Malefícios do monopólio

Senti na pele ontem à tarde o peso da incompetência político-administrativa que possibilitou o fim dos vôos da TAM para Maringá. Um amigo que precisava estar em São Paulo ontem a noite, chegou com 40 minutos de atraso ao eroporto local e não conseguiu embarcar no avião da Gol. Por mais que tentasse, que explicasse a urgência da viagem, não teve jeito. Me ligou desesperado para que eu o levasse até Londrina. Saímos daqui 18hs. Ele precisava chegar no aeroporto de Londrina às 19,10hs para pegar o vôos das 20,10hs. Chegamos lá às 19,35hs, por causa do congestionamento na Avenida JK. Ele desceu correndo e foi ao guichê da TAM, achando que iria perder o avião de novo. Mas bem ao contrário de Maringá, foi bem atendido, a moça fez o chk-in na hora , sem nenhum tipo de questionamento. Voltei pra Maringá aliviado por ter dado tudo certo, mas pensando cá com meus botões:" Quando o assunto é trasnsporte, como é maléfico o monopólio, seja no solo urbano, seja nos ares do Brasil!".

Pesquisas e pesquisas

"Deve ser instrumento eleitoral novo: “Pesquisadores” se apresentam como sendo de um tal Instituo Unitário, ligado a um tal Colégio Universitário de Maringá (procurei e não encontrei registro do instituto, mas o colégio existe no Novo Centro), mas não fazem perguntas ao eleitor. Ao ainvés de questionar o eleitor, informam que estão fazendo pesquisa e que tais e tais candidatos estão à frente. É a rádio peão em novo formato".
. Do blog do Lauro Barbosa

Meu comentário: Em matéria de pesquisas mandrakes, Maringá já pode ser considerada a Capital das Arapucas.

16 de agosto de 2008

Dercy Gonçalves chega ao céu:

"-Porra tá frio aqui em cima;
-O céu não tem temperatura - pondera um porteiro celestial de plantão.
-Não tem é o cassete.Tá frio sim senhor - insiste Dercy.
-Prefere o inferno? Lá é mais quentinho.
-Manda tua mãe pra lá. Cadê o Pedro?
-Pedro só atende aos purificados.
-E eu to suja por acaso: To cagada?...
-Você primeiro tem que passar pelo purgatório, ajustar umas continhas...
-Não devo nada a puto... nenhum.
-Você foi muito sapeca lá por baixo.
-Como é que você sabe. Andava escondido debaixo das minhas saias?
-Dercy, daqui de cima a gente vê tudo.
-Vê merda nenhuma. Vê a pobreza, a violência, meninas de 4 anos sendo estupradas pelos pais, político metendo a mão no dinheiro dos pobres, cara cheirando até cocô pra ficar doidão? O que vocês vêem? Só viam...
-Você fala muito palavrão
-Eu sempre disse que o palavrão estava na cabeça de quem escutava. Palavrão é a fome, a falta de moral destes caras que pensam que o mundo é deles. Esses goelas grandes e seus assessores laranjas, tangerinas e o cassete...
-Está vendo? Outro palavrão
-Cassete é palavrão seu porteiro de meia tigela? Palavrão é PQP... (silêncio de alguns segundos)
-Seja bem vinda Dercy. Sou Pedro. Pode entrar.
-Porr***, não é que eu morri mesmo! -E o purgatório?
-Você já passou 101 anos por ele, lá embaixo. Descanse!
- É to precisando mesmo. Mas tira essa mão boba da minha bunda!"
O céu nunca mais será o mesmo!!!

. Do blog Cheng-Pong

Viva o mito da preguiça!


Dorival Caymmi morreu aos 94 anos deixando de luto o Brasil e principalmente a Bahia. Ele encarnava o mito da preguiça baiana, talvez pelo fato de ter demorado quatro anos para compor Maracangalha, um dos seus sucessos imortais.
Caymmi estava doente há muito tempo e morreu às 6 da manhhã de insuficiência renal.
Antes de virar cantor de sucesso, Caymmi trabalhou como jornalista em Salvador. Os tres filhos dele com a também cantora Stela Maris, tornaram-se igualmente famosos e referências da MPB: Dori Caymmi, Danilo Caymmi e Nana Caymmi. Para Nana, fez cantigas de ninar que embalaram o sono de muitas crianças Brasil a fora. Quem não conhece o Boi da Cara Preta?..."pega essa criança/ que tem medo de careta".
Mestre Caymmi era adepto da boa preguiça, a preguiça que inspirava o poeta dos mares nunca d'antes cantados.
Em tempo: a popularização da culinária e da própria baiana (o que é que a baiana tem?) tem muito a ver com o autor da melhor receita de vatapá que a Bahia conhece.,

Jornalista aciona Dantas e cia

Identificando-se como "cidadão dessa pobre república", o jornalista Paulo Henrique Amorim denunciou ao Ministério Público em junho último o grupo empresarial liderado por Daniel Dantas.
Diz o jornalista ao justificar sua atitude: " Daniel Dantas e os empresários Carlos Jereissati e Sergio Andrade – donos da Telemar/Oi - acharam um jeito de tomar dinheiro dos trouxas – o maior deles é o BNDES, subordinado ao Ministro do Desenvolvimento - e comprar a Brasil Telecom.
Com isso, vão ficar com o monopólio (70%) da telefonia fixa do Brasil, fora São Paulo, que é explorado pela Telefónica.
Depois de manipular as ações na Bolsa com notícias falsas sobre a criação da empresa, e antes que a regulamentação – porque o Plano Geral de Outorgas não permite a criação da “BrOi” -, Dantas conseguiu" .

O peso da má companhia


Geraldo Alckmin fez a besteira de desfilar com FHC no centro de São Paulo e caiu na pesquisa, possibilitando um maior crescimento da Marta. Vendo isso, coordenadores de campanhas oposicionistas em Curitiba tentam, nos bastidores, amarrar uma visita do ex-presidente a Curitiba, para ele caminhar alguns minutos com o Beto na Boca Maldita.

15 de agosto de 2008

O Paraguai nunca mais será o mesmo


O Paraguai viveu hoje o segundo momento mais importante da sua história recente: a posse do ex-bispo Lugo. O primeiro foi o da vitória dele em abril. Apesar do desconforto que o problema de Itaipu causou ao presidente Lula e ao Brasil durante a solenidade, convenhamos: o Brasil tem uma dívida social gigantesca com o país vizinho, por conta da covardia da Tríplice Aliança no século XIX. Ao se unir à Argentina e Uruguai, com patrocínio da toda poderosa Inglaterra para massacrar o Paraguai de Solano Lopes, nosso país protagonizou uma das grandes carnificinas da história da humanidade. Claro que corrigir os valores da energia de Itaipu que pagamos ao Paraguai não vai reparar o erro histórico, mas por aí o Brasil começa,a pelo menos, ressarcir prejuízos financeiros que ajudaram a colocar nossos irmãos no mais absoluto atraso.
Sou fã do novo presidente e torço, de coração, para que ele não decepcione o seu povo que, depois de uma tentativa frustrada com Domingo Laino, enfim, chegou ao poder. E chegou detonando 60 anos de mando do Partido Colorado. No discurso de posse, o novo presidente, que renunciou a prelazia para ser candidato,deu uma lição de humildade e firmeza, dizendo:"O Paraguai está diante da mudança mais importante de sua história.Essa mudança não tem vencedores, vencidos, nem proprietários.Hoje, começa a história de um Paraguai com autoridades e cidadãos implacáveis com os ladrões do povo”.
Fernando Lugo prosseguiu, emocionado e emocionando: “Renuncio viver em um país onde uns dormem e outros não dormem porque têm medo ou fome.Queremos uma educação para a mudança social baseada na defesa irrestrita de todos os direitos humanos, um Paraguai socialmente justo, onde nunca mais exista desigualdade”. Que os anjos digam amém!

Alegria cítrica

"Osmar Dias comemora safra recorde de laranja no Paraná".
Que será que ele quis dizer com isso?
. Do blog Paçoca com Cebola

Wanted



O Lukas diz ter procurado mas não encontrado o autor do blog mais comentado, temido e odiado de Maringá. Mas todo mundo quer saber: por onde anda O Inconformado? O cartunista de O Diário não achou, mas publica esta foto em seu blog, dando uma boa pista para Os Incomodados.

Porta voz do Dantas?

"O aspecto mais gratificante de se torcer contra os brasileiros é que a gente sempre acaba ganhando. Cada medalha de bronze perdida pode ser comemorada como um triunfo".
DIOGO MAINARDI

Ele é patrocinado pela NEXTEL. Tenho a ligeira impressão que é uma EMPRESA DE DANIEL DANTAS. Se for, vou descobrir. A única coisa que pude fazer, foi ligar no 0800 900 901 e descer a BORDUNA nesse crápula" .
. Do blog do Lukas (Casa do Noca)

PS: Mainardi é colunista intragável da igualmente intragável e nada confiável revista Veja

Fábrica de multas

"Uma reportagem da RPC mostrou que Maringá é a campeã do interior do Estado em multas. De janeiro a julho deste ano foram aplicadas 48 mil multas. Um número assustador! Estamos disparados à frente da segunda colocada Londrina, que é muito maior que Maringá em tamanho geográfico e em número de habitantes".
. Do blog do Lauro Barbosa

Meu comentário: em 2004 houve muita crítica à administração municipal por causa do volume de multas que, mesmo comparativamente ao crescimento da frota de lá pra cá era muito menor. Da mesma forma, os índices de acidentes eram inferiores aos atuais. Os números de hoje mostram claramente que a função dos Salva-Vidas não é salvar vidas e sim arrecadar dinheiro. A própria sinalização (ineficaz) revela isso. Como dizia dindinha Alvina:"Cuspir pra cima em dia de vento forte,cai tudo na própria cara".

Especialista joga luz sobre o debate do transporte coletivo

O administrador Valcir José Martins fez um estudo detalhado sobre a evolução do preço no transporte coletivo urbano de Maringá, a partir de uma promessa do candidato eleito em 2004, de baixar a passagem do ônibus. Veja o resultado:

" Aplicando-se os diversos índices de correção sobre o valor prometido (R$ 1,35), no período 01/01/2005 a 30/06/2008, chegaríamos no máximo a R$ 1,63 pelo IGP-M, ou seja, o este deveria ser o valor da passagem hoje, e não R$ 2,30 para pagamento em dinheiro e R$ 2,00 pelo cartão.
Mesmo que se corrigisse a partir de R$ 1, 65, aí considerando que foi uma falsa promessa de campanha, o valor pelo IGP-M, que seria o índice máximo, daria exatamente R$ 2, 00, só que além do preço pago pelo passageiro o município desembolsa o equivalente a R$ 0, 13, totalizando R$ 2,13 no cartão e R$ 2,43 em dinheiro, com o valor de cerca de R$ 350.000,00 mensais a título de subsídio ao passe do estudante".
A conclusão a que chega o especialista em administração Valcir José Martins é que " a promessa não foi cumprida. Pelo contrário, onerou os cofres públicos, com repasse de valores a pretexto de manutenção do passe do estudante, em R$ 2.423.983,96 em 2005; R$ 3.613.808,50 em 2006; R$ 3.254.494,31 em 2007 e em 2008, não é possível saber o valor exato, pois os balancetes não foram divulgados, mas a julgar pelos valores de 2007, seriam, até o presente momento cerca de R$ 1.600.000,00. Em resumo, ao final do mandato seriam aproximadamente R$ 12.500.000,00 que poderiam ter sido economizados, não fosse a promessa eleitoreira de baixar o valor da passagem em 2004".

Proposta de Valcir: suspensão imediatamente do repasse do subsídio à TCCC e a manutenção do preço em R$ 2,00".

13 de agosto de 2008

Do blogueiro Angelo Rigon

"Em meu blog tenho evitado comentários a respeito, em respeito à família e aos amigos. Não acredito no que tentam espalhar e até no que O Inconformado faz, porque ele fez a mesma coisa comigo em novembro do ano passado, quando tive o infarto. Enquanto fiquei no hospital ele também não postou nada, me deixando em situação desconfortável perante algumas pessoas que insistiam em achar que eu, que sempre assinei o que fiz, era o dono de outro blog, anônimo".

Cadê ele?

Não se fala em outra coisa no mundo da blgosfera:"Cadê o Inconformado?". Ontem na Casa da Amizade, onde estiveram os candidatos a prefeito, ouvi um cidadão, que não conheço, responder baixinho para um amigo:" Morreuuuuuu!".

11 de agosto de 2008

Sobre juízes que vendem sentença

Também do ministro Ayres Brito, sobre corrupção no judiciário:"O juiz que faz da sua caneta um pé-de-cabra é o pior dos bandidos".

A propósito dos "fichas sujas"

"Segundo o Direito Penal, na dúvida pró réu. Já no direito eleitoral, na dúvida, pró sociedade"
. Do presidente do TSE Ayres Brito, insatisfeito com a decisão do TSE sobre os candidatos "fichas sujas".

9 de agosto de 2008

Confiança cada vez menor

Informa o jornal Hora H News que o candidato a prefeito de Curitiba, Beto Richa, vai registrar seu plano de governo em cartório. Nada é mais demagógico, pura jogada de marketing. Trata-se do reconhecimento tácito de que precisa desse artifício para o povo confiar no programa.Em se tratando de Beto Richa, que lidera a disputa com um pé nas costa, o anúncio é meio esquisito. Ele já fez isso em 2004, mas que é um tiro no pé, isso é.

De cabeça para baixo

Tem gente em Maringá lendo pesquisa interna de cabeça para baixo. Abatidos com o resultado desfavorável do seu candidato, uma certa coordenação de campanha decidiu engavetar os gráficos e disparar emails para amigos, militantes e simpatizantes com inversão dos números. Vi um desses amails em que o candidato em questão era quarto e foi jogado pra segundo lugar; o segundo desceu pra terceiro e o terceiro, pra quarto.
É o efeito Ipatinga, cujos torcedores plantam bananeira na hora de olhar a classificação do seu time no Brasileirão.

Pobre poooode!

O presidente da ANPR (Associação Nacional dos Procuradores da República) Antonio Carlos Bigonha critica a súmula vinculante do STF que restringe o uso de algemas no Brasil. E diz que a Justiça não dá tratamento igual a ricos e pobres, sendo mais sensível com o rico branco:“Quando esse discurso chega ao rico branco há uma sensibilidade jurídica muito grande em torno da preservação das garantias fundamentais dos Direitos Humanos... Quando se trata do réu branco e de uma camada elevada da sociedade, há uma sensibilidade muito maior do Poder Judiciário”.

8 de agosto de 2008

Cenário do Velho Testamento


Daqui a dois anos teremos eleições de presidente, governadores, senadores e deputados. Fábio Campana postou uma nota em seu blog (link ao lado) com esta ilustração aí, suscitando o seguinte cenário: o universo familiar no Paraná vai estar agitado em 2010, com possíveis confrontos entre irmãos. Inclusive aqui na nossa cidade, que alguns imaginam ser capitania hereditária, a lenda de Caim e Abel poderá estar em voga.

O MIlton disse

Milton Ravagnani esclarece que o da direita na foto do poste sobre a morte do Fermenton é o Rafael Brischigliari, que trabalhou com ele no Contraedição (RTV). E acrescenta:" Toninho,foi o maluco que inventou aquela história do contraedição, de onde vem a foto.
Tenho com o Tonico várias histórias deliciosas. Assim como muitos que vejo se manifestar nesse momento.
Com aquela em que compramos uma rádio juntos. Mas não levamos.

Ele era pródigo nisso. Criar amigos.
Vai fazer muita falta".

O corpo de Antônio Fermenton será velado na Câmara Municipal a partir das 10 da noite de hoje, segundo informa o Rigon.

Socorro vem de Brasília



A candidata do PT à prefeitura de Curitiba,Gleisi Hoffmann, pediu socorro a Brasília. E o socorro virá, com Lula e seu primeiro time desembarcando na capital até 5 de outubro. Já no próximo dia 15 desembarca no Aeroporto Afonso Pena a toda poderosa ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Roussef; dia 27 será a vez de Tarso Genro. Lula deverá vir no final de setembro, caso sinta que sua
presença ajude a provocar o segundo turno, desde que a adversária de Beto Richa seja a candidata petista.
Esta foto aí é do encontro de Gleisi e Beto no lançamento do livro biográfico sobre Paulo Pimentel, que completou 80 anos de idade esta semana.

Fermenton


"O empresário Antonio Donizete Fermenton, 53 anos, faleceu na manhã de hoje, na rodovia PR-445, no distrito de Warta. Ele foi dirigentes de entidades como Acim e Codem e era proprietário da Otbraz. Toninho Fermenton também trabalhou na TV Tibagi. O carro que ele dirigia, um Ômega, partiu ao meio ao se chocar contra um caminhão".
. Do blog do Rigon

PS: Trabalhei com Fermenton na Folha de Londrina (Sucursal de Maringá) nos anos 70. Eu era repórter, Sérgio Jacques, fotógrafo e o Toninho Fermenton, motorista do fuscão do jornal. A gente viajava muito por este Noroeste. Ele me chamava de "seu Nassib", porque eu brincava de imitar o personagem do Armando Bógus em Gabriela, a primeira novela colorida da TV brasileira. Voltando de Guaíra, onde eu tinha ido fazer uma reportagem sobre contrabando de café, profetizei: "Com este vozeirão de Heron Domingues você vai acabar virando locutor". Foi além: virou empresário bem sucedido. Que Deus o tenha.

Na foto, que pincei do blog do Rigon , Antônio Fermenton aparece ao lado do Milton Ravagnani. Esse da direita não sei quem é, mas o que está ao lado do Milton é o Ademar Schiavoni. Também trabalhei com os dois.

Ibope provoca correria

"Correria nos comitês eleitorais. Aguarda-se para segunda-feira na RPC e na terça nos jornais as pesquisas IBOPE sobre a corrida eleitoral em Curitiba e em Londrina", informa Fábio Campana.
Em Maringá, a pesquisa está sendo feita e o resultado deve ser noticiado na próxima sexta-feira ou sábado.

Pra começar o dia



Começo brindando os leitores desse blog com "Os Operários", de Tarsila Amaral (1933).

Para refletir

8.08.08

"Anda meio complicado falar de obediência nos dias que correm. Certa noção de liberdade tenta deslegitimar todo e qualquer comando na vida social. Por outro lado, nossas "autoridades" com frequência não se mostram à altura do poder que lhes foi conferido. Ainda que inteiramente distinta, a comunidade eclesial acaba atirada à vala comum dos grupos humanos sujeitos à autoridades indignas desse nome".

. Do padre Orivaldo Robles, em artigo do jornal Maringá Missão, discorrendo sobre o papel do padre na política.

7 de agosto de 2008

Crise de identidade


Às vezes fico pensando se o Diogo Mainardi(revista Veja) se inspirou no Paulo Francis ou se inspira no Arnaldo Jabour? Seja como for, tem crise de identidade, pois quer ser os dois ao mesmo tempo, com uma pitada de Lúcia Hipólito. É antes de tudo, um escriba destemperado e odioso. Foi este destempero que lhe rendeu agora uma condenação pesada por danos morais. Sua vítima e agora algoz: Paulo Henrique Amorim.

Bazar da AMA

Começou hoje e vai até depois de amanhã o bazar beneficente da AMA - Associação dos Autistas de Maringá, presidida pelo meu particular amigo José Antônio Moscardi. Fica na Mandacaru, em frente ao Tiro de Guerra. Lá tem de MP5 a Playstation. E tudo a preços baixíssimos. Vale a pena uma visita.

Ainda do Balestra

O blogueiro comenta a nota das borboletas e da polinização cítrica:

"Messias, polinizam sim, mas em menor quantidade. Em laranjal quem manda são aquelas abelhas que se eternizam no mel do poder, e depois se lambuzam todas, até que venha um marimbondo da justiça e ... crééuuu..... abs"

Sobre o trote

"É... bobo rareia mas não caba nunca!! Cavalo só se deixar arrear porque não sabe a força que tem".

. Do amigo e blogueiro A Balestra

Que escala de valores é esta?

7.08.08

Impressionante como alguns veículos de comunicação e comunicadores estão tratando a eleição da Sociedade Rural. A impressão que dá é que a escolha do sucessor do presidente Joaquim Romero Fontes é bem mais importante pra cidade do que o pleito municipal que escolherá o futuro prefeito e os futuros vereadores. E não venham dizer que é por culpa da dureza da legislação, não. As eleições de outubro são , inegavelmente, o fato jornalístico mais importante do ano no país. Do município então, nem se fala. É só cuidar para não ferir a lei.

4 de agosto de 2008

Sem interurbano

Marialva já é considerada uma cidade com perspectiva de conurbação com Maringá. Estudos feitos pela Anatel em setembro de 2007, a pedido do coordenador da Região
Metropolitana , João Ivo Caleffi, apontaram pontos de ligação urbana entre Marialva e Sarandi, que por sua vez, está ligadíssima com a cidade polo, Maringá. O resultado prático disso é que entre Maringá e Marialva não há mais cobrança de interurbano, a exemplo do que já acontecia com Sarandi e Paiçandu.

Deprimente



Imaginei que esse tipo de trote tivesse acabado na UEM; tanto já se falou, tanto já se criticou , tanto já se prometeu...
Os calouros, em sua maioria meninas, submeteram-se a situações bem vexatórias na semana passada. A exposição do corpo e os gritos de "me dá uma moedinha aí, tio", não escondiam o grau de perversidade e sadismo de quem estava à espreita, fiscalizando a calourada.
Pincei a foto do blog do Lauro Barbosa, que também se mostrou indignado com este espetáculo deprimente.

Será?



A foto maravilhosa é do fotógrafo curitibano Joel Rocha e pincei do blog do Zé Beto.Vendo essa maravilha da natureza, me veio uma dúvida: será que as borboletas também polinizam pés de laranja?

Marta comenta

" Messias, quem trabalhou nessa época na Universidade conhece esse desaforo do sr REIcardo Barros. Aliás, um deputado que estudou ali na mesma universidade que aprecia demolir. Coisa semelhante fez o sr Jeferson Nogaroli em 2002. Apoiou o governador Jaime Lerner em seu brutal Projeto de Autonomia 32 que privatizava a UEM. Vê-se como a elite econômica da Má-ringa adora fazer negócios com o trabalho alheio".

. Do blog da professora Marta Bellini, a propósito dos cursos de Medicina e Odontologia da UEM, que RB queria levar embora daquí.

A propósito da nitroglicerina

Os cursos de Medicina e Odontologia da UEM foi criado por Said Ferriera (prefeito) e Fernando Ponte de Souza (reitor). Ponte está hoje lecionando na Universidade Federal de Santa Catarina e Said, aposentado como político. Mas qualquer um dos dois pode testemunhar o esforço que Ricardo Barros fez para levar os dois cursos para a cidade de Paranavaí, tal a sua aversão ao ensino superior público e gratuito.

A frase

*MARIA TOMA BANHO PORQUE SUA MÃE DISSE ELA PEGUE A TOALHA.***
Recebi esta frase do amigo Ivo Scudeiro. É um teste para que o leitor coloque um ponto e duas vírgulas. Confesso que sofri pra conseguir dar sentido à frase. Tem muita gente que deve ter recebido a mesma charada e a matou na hora. Não foi o meu caso. Quem se habilita?

Boa idéia

O professor Valcir Martins está sugerindo aos candidatos a prefeito de Maringá a criação de um Conselho Municipal de Fiscalização, para controlar as contas públicas. Este seria, a seu ver, um um instrumento importante da transparência que todos defenderam nas páginas do O Diário (edição de domingo). Mas chama a atenção:" este conselho teria a participação de membros da sociedade e aberto a todos, inclusive de oposição. Seriam uns 60 membros, no mínimo, que se reuniriam mensalmente para analisar as contas. Uma espécie de Observatório Social sem vinculação direta com associações e políticos".

De um leitor sobre a nota do Wal-Mart

"Tenho conhecidos que moram nos Estados Unidos e estão passando por dificuldades. Mas ainda apostam na derrota do Obama, pois jamais admitem um "NEGRINHO " como presidente de lá. Me deu ódio em ouvir isto por telefone. Já resposndi imediatamente que achava que deveriam se mudar para a Alemanha ou Suíça, pois aqui no Brasil eles também não podem voltar por cusa do Lula.Fui logo desligando o telefone e começando a mesma novena que fiz para o Lula, só que agora estou rezando é para o Obama.
Quero ver estes racistas e preconceituosos comerem grama. Ah, como quero!".

Debates em Sarandi

A Rádio Banda 1 (Ex-Pé Vermelho) vai promover três debates em Sarandi. Dia 23 próximo será com os canditados a prefeito e dia 13 de setembro, com os vices. E já está agendado o segundo confronto entre os conconcorrentes à cadeira hoje ocupada por Cido Spada. Será no dia 27 de setembro. A organização foi entregue à jornalista Lígia Leal, o que significa garantia de sucesso e de isenção.

2 de agosto de 2008

Nitroglicerina

Pode pipocar qualquer hora dessa, uma publicação sobre um certo "empata obras" de Maringá. Conterá algumas verdades sobre, por exemplo: os 14 anos de atraso do Contorno Norte; o esforço feito pelo dito cujo, contra a construção do novo aeroporto e manobras sacanas para tirar da UEM os cursos de Medicina e Odontologia. É nitroglicerina pura.

A elite branca daquí

A propósito da nota anterior sobre o Wal-Mart, veja o que saiu no blog do Paulo Henrique Amorim:.

" O baluarte do PiG, o Estadão, publicou hoje um editorial que tem uma frase que merece ser esculpida em mármore e colocada na entrada do gabinete do Presidente que tem medo da elite branca, o Presidente Lula.

Diz o editorial: “Há quem diga que essa preocupação (com os excessos da Polícia Federal quando era Republicana) apenas se manifesta quando os atingidos fazem parte da chamada elite branca nacional, incluindo influentes endinheirados como Daniel Dantas. Pouco importa.”

É isso mesmo: a elite branca nacional, dos endinheirados do PiG, e do Daniel Dantas, quer a “Lei Toron” só para eles.

. Para os pobres, pretos e p..., as algemas".

Ja vi este filme

O gigante da área de supermercados, Wal-Mart, está alertando funcionários para os "riscos" de Obama vencer as eleições americanas em novembro.
Empresa privada com maior número de funcionários nos Estados Unidos , a Wal-Mart está mobilizando gerentes de lojas e supervisores de departamentos em suas unidades americanas para advertir os funcionários que uma eventual vitória do Partido Democrata resultará em uma mudança na lei federal visando a facilitar a sindicalização dos trabalhadores.
A notícia está no The Wall Street Journal que informa ainda:" Milhares de gerentes de lojas e departamentos do Wal-Mart foram convocados a reuniões obrigatórias nas quais a direção da companhia enfatizou os aspectos negativos da sindicalização para os trabalhadores. De acordo com mais de dez funcionários do Wal-Mart que participaram dessas reuniões, os executivos da companhia disseram que os funcionários sindicalizados teriam de pagar contribuições sindicais sem ganhar nada em troca e poderiam entrar em greve sem nada em compensação".


Meu comentário: este filme não me parece estranho. Já o vi sendo exibido aqui no Brasil. Em Maringá talvez não, mas o medo que as categorias organizadas em sindicatos provocam no patronato local é qualquer coisa.
Em tempo: o grupo Wal-Mart está presente em Maringá com o BIG, que aliás foi acionado pelo Ministério Público do Trabalho, por mandar revistar as bolsas das suas empregadas.
Não esqueçamos porém que, no caso de Obama, a reação do gigante do setor de supermercados traz implícito (ou seria explícito ?) toda a carga de preconceito racial da elite branca americana.

Problemão

É bom que os gestores que adoram terceirizar serviços públicos fiquem espertos, porque os ônus são bem maiores do que os bônus. Começa pela qualidade dos serviços que em muitos casos são sofríveis e terminam no envolvimento do município como solidário em ações trabalhistas. Segundo entendimento do Tribunal Superior do Trabalho a contratante não tem como fugir de pepinos deixados por terceirizadas, quando essas anoitecem e não amanhecem, como fez uma empresa chamada Mercado com a Sanepar.

Viva o Sol!

“O Sol é o melhor desinfetante.” (Autor desconhecido)

Debate em Londrina

O candidato Machado encurrala Belinatti, no debate da Band em Londrina:

"Que povo é esse que o sr. quer ver de volta à Prefeitura, pergunta Machado: da periferia ou que ajudou o senhor a roubar 200 milhões?

Belinati: escorrega, fala que a camada mais baixa da população será, como sempre, o centro de sua administração.

Machado fala das falhas do sistema judiciário. Diz que Belinati deveria estar preso!

Belinati: fala das casas populares, dos postos de saúde, do PAI. "Queremos administrar para população de baixa renda"
. Do blog do Pedrialli

1 de agosto de 2008

O que dizem outros blogueiros

Pelo fato de estar diretamente envolvido numa campanha e assessorando um candidatgo me declaro eticamente impedido de comentar o debate de ontem na Band. Por isso limito-me a postar opiniões de dois blogueiros:
Elias Brandão:"Muito morno. Pouco excitante. Sem iniciativas e sem novidades. Os candidatos nos pareceram fugir de perguntas a candidatos em evidência na política, preferindo dirigi-las a candidatos desconhecidos.
Alguns candidatos nos pareceu despreparados para o debate, com medo de dialogar com os telespectadores, não olhando para a câmera. Não olhavam na câmera. Fugiu pela tangente. Os únicos candidatos mais enfáticos, deixando Sílvio Barros encurralado em assuntos da gestão, da gastança do dinheiro público, dos processos que responde na Justiça e da política municipal foram Ana Pagamunici ou Wilson Quintero.
Em relação ao plano de governo de cada candidato, alguns candidatos não pareciam ter plano e mesmo o plano do partido ou coligação não ficou claro para o telespectador. Dois candidatos sairam-se bem na apresentação do plano de governo: João Ivo e Wilson Quinteiro".
Rigon: "O debate foi bom para Claudemir Romancini (PSol), que apresentou-se bem a quem não o conhecia. Foi meia-boca para João Ivo (PMDB), Enio Verri (PT) e dr. Batista (PMN). Mas certamente foi péssimo mesmo para Silvio II (PP) - nem de longe lembra aquele de 2004. Ana Pagamunici (PSTU) e Rogério Mello (PT do B) ficaram onde estavam".

Frase feita x frase feita

" Silvio, veio com uma frase pronta ¨Quem não anda não tropeça¨, que poderia ser combatido com ¨Tropeça quem não tem a humildade de olhar para baixo¨.
. Do blogo do PMN (Willy Taguchi)