5 de outubro de 2010

José Roberto Balestra disse:

"Messias, a opinião do jornalista Rodrigo Viana responde a você no seu post anterior: é exatamente por todas as podridões do partido da situação – desde a berenícica mais recente às mensalosas, cuecais, e tantas d’antes, cada uma mais grave que a outra – que a candidata situacionista não vencerá no segundo turno! Terá que voltar outras vezes à estrada, ao pote, aí com mais experiência, mais verdadeira, menos tergiversada e sobretudo sem muleta nonidáctila.

O descomunal interesse do presidente por sua indicada não é só paixão dele por eleições como ouvi alguns comentaristas dizerem ontem, mas tem outro nome: “paura”, puro temor de que a oposição assuma e levante os tapetes todos de seu governo, mostrando ao mundo os bolores fétidos que lá estão desde que sua desequipe chegou.

A "blindagem" dele por tudo o que sabemos não resulta tão só do seu carisma, mas tem outra feição; tilintares. Se não for assim, então me explique como a grande massa ainda continua precisando de bolsas-isto-e-aquilo? Como um governo sério pode acolher como seu líder alguém como o pretensioso senador derrotado aqui da cidade?

Por fim, desde muito cedo aprendi em minha vida duas coisas: que quem anda com o capeta cria rabo, e que os da mesma espécie sempre andam juntos. A propósito, você já viu um peixe passeando com uma girafa pelos campos?

Por isso sempre rogo: - Valei-me meu São SERRApião!"

3 comentários:

Sivaldo disse...

Nesta hora se lembra somente das mazelas do PT.
Porém se esquece dos Anões do Orçamento ( um deles teve o sigilo quebrado). Dos Sanguessugas, do Mensalão do DEM no Distrito Federal, Do Mensalao do PSDB Mineiro. Tem gente que não se lembra nem que PP era o PDS e que o esquifoso PFL é hoje o DEM.
Temos exemplos de Maringá também. Tivemos uma prefeito do PSDB (Jairo) e um do PT (josé Cláudio).
Agora em qual foi o maior escândalo de corrupção da cidade.
Lembram só do que lhe convem é muito fácil.

DENISDIAS disse...

Que absurdo, o cara inverte totalmente a opinião do Rodrigo...

Anônimo disse...

Sivaldo, você esqueceu de citar o escândalo do PSDB (Ieda Crussis) no Rio Grande do Sul, e a imprensa golpista ocultou e não disse nada.