12 de janeiro de 2011

Cidadania, a gente vê por aquí

Vendo o caos da saúde em Maringá e revendo no blog do Rigon a matéria da RPC sobre o caso do seu Raimundo , que morreu sem assistência depois de 23 dias peregrinando por hospitais de Maqringá, é de se perguntar: o que aconteceu com as promessas mirabolantes pra saúde feitas nas campanhas de 2004 e 2008?.
A propósito, fui ontem de manhã ao postinho do Iguaçu levar meu filho que estava com uma indisposição gástrica e fiquei sabendo que mesmo para clpinico geral, o paciente tem que esperar no mínimo duas semanas. Se o caso for urgente, aí uma enfermeira faz o encaminhamento para o Hospital Municipal, onde o atendimento é cada dia pior.

Nenhum comentário: