22 de fevereiro de 2011

Dilma na casa da "ditabranda"

A presidente Dilma Roussef, em demonstração de grandeza, foi prestigiar os 90 anos da Folha de São Paulo, a mesma Folha que, segundo o articulista Leandro Fortes (Carta Capital):" estampou uma ficha falsa da atual presidenta em sua primeira página, dando início a uma campanha oficial que pretendia estigmatizá-la, às vésperas da campanha eleitoral de 2010, como terrorista, assaltante de banco e assassina. A ela e a seus companheiros de luta, alguns mortos no combate à ditadura.

Ditadura, aliás, chamada de “ditabranda”, pela mesma Folha.

Esta mesma Folha que, ainda na campanha de 2010, escalou um colunista para, imbuído de sutileza cavalar, chamá-la, e à atual senadora Marta Suplicy, de vadia e vagabunda".

Essa mesma Folha, ora homenageada com a presença de Dilma Rousseff.

Um comentário:

Anônimo disse...

ali está presente a senhora presidente
ela honra o cargo com esse gesto altruista