25 de maio de 2011

Sobre o Parque do Japão, Roberto Balestra disse:

"Tem a mesma serventia que a de se ensinar um paraense a comer farinha-de-puba com “pauzinho” (hashi) japonês".

Nenhum comentário: