28 de julho de 2011

O futebol arte ainda vive

Nos 4 a 5, depois de estar vencendo por 3 a 0, o Santos foi o Santos de sempre: no ataque, fazendo e correndo risco de tomar gols como de fato ocorreu. Foi um jogo espetacular, entre duas equipes que tradicionalmente jogam aberto, no ataque e privilegiando a plástica do futebol bem jogado. Fiquei puto pelo fato do Peixe ter tomado 5 gols, depois de estar disparado na frente no placar. Mas como apreciador do futebol arte me senti recompensado.

Nenhum comentário: