18 de outubro de 2011

Falta de elegância é pouco

"O líder do prefeito Silvio Barros II na Câmara de Maringá, médico Heine Macieira (PP), afirmou há pouco da tribuna que o ex-prefeito José Cláudio Pereira Neto (PT) poderia estar vivo se tivesse optado por tratamento médico com ele, especialista em gastroenterologia e funções digestivas. Ao elogiar a atual administração, comparando-a com as anteriores, Macieira lembrou que foi com ele que o ex-prefeito iniciou o tratamento, mas que depois optou por outro serviço médico. Quem sabe se não tivesse mudado de tratamento médico ele poderia estar vivo até hoje, comentou.

José Cláudio morreu em 16 de setembro de 2003, aos 51 anos, vítima de câncer. Seu tratamento foi feito em São Paulo e, em Maringá, pelos médicos Dacymar Caputo de Carvalho e José Ramos Martins".

. Do site do Rigon

PS: mais do que deselegância, foi um tapa na ética profissional e desrespeito à memória do falecido. Até onde se sabe, Heine é gastro, não é oncologista. Ou será que é milagreiro? Quem sabe, carrega no subconsciente um certo complexo de Chico Xavier.

Nenhum comentário: