13 de novembro de 2011

Cuidado com o Panga!


Um dia conversando com o especialista Gilberto Pavanelli, um dos maiores entusiastas da piscicultura na região, ele comentou sobre o Panga, um peixe importado do Vietnan e que é vendido nos supsemercados brasileiros a menos de R$ 10 o quilo.

O problema, segundo Pavanelli é que este peixe é originário de um rio muito poluído e portanto, o filé de Panga vem para a mesa do consumidor brasileiro cheio de resíduos de metais pesados.
Agora recebo um email, repassado por uma mulher chamada Gilda Melo, alertando para os riscos de se consumir referido peixe.Informa o consumidor que produziu a informação, que "os Pangas estão infestados com elevados níveis de venenos e bactérias. (arsénio dos efluentes industriais e tóxicos e perigosos subprodutos do crescente setor industrial, metais pesados, bifenilos poli clorados (PCB), o DDT e seus (DDTs), clorato, compostos relacionados (CHLs), hexaclorocicloexano isómeros (HCHs), e hexaclorobenzeno (HCB))".

Este peixe, que custa menos da metade , por exemplo, da Tilápia , é pescado no Rio Mekong , um dos mais poluídos do planeta. Vale a lembrança, inclusive, de que os Estados Unidos jogaram o "agente laranja" neste rio durante a Guerra do Vietnan

Nenhum comentário: