5 de novembro de 2011

Que a CGU tenha piedade de nós


Esse é mais um desmoronamento do "Transtorno Norte". A foto, postada no blog do Rigon hoje a tarde é de Roger Bivanco. Falta funcionalidade e sobra problemas na obra de quase R$ 200 milhões. Há até casos de trechos da pavimentação que cedeu com as chuvas. A Controladoria Geral da União ainda vai ter muito trablho a fazer em Maringá, onde já investiga suspeita de superfaturamento do Novo Centro. Só lembrando: o contrato para execução do rebaixamento da linha férrea e da Avenida Horácio Racanello foi assinado pelo ex-prefeito João Ivo com a CR Almeida, com prazo de execução firmado em 40 meses. Lá se vão quase tres anos de atraso e aditivos que praticamente triplicaram o valor original do obra.

Nenhum comentário: