1 de dezembro de 2011

Grave, gravíssimo

Me informa por email o ambientalista Jorge Villalobos que Maringá está prestes a ser a primeira cidade do país a implantar uma usina de incineração de lixo e a produzir fumaça tóxica. O tema é o mais grave desde a fundação da cidade.
Ressalte-se que a fumaça tóxica é uma das principais causadoras de doenças graves como asma, cancer e alergias. Na europa a queima de lixo está em franca redução, razão pela qual os negócios começam a ser trazidos para o Brasil.
Se a "administração cidadã" decidir mesmo implantar o sistema de queima do lixo urbano de Maringá, estaremos diante de um problema gravíssimo, o mais grave desde a fundação da cidade canção.

Nenhum comentário: