13 de dezembro de 2011

Que os anjos digam, amééémmmm!!!

A pobreza na Venezuela caiu de 49% para 27,4% entre 1998 e o primeiro semestre de 2011, enquanto a pobreza extrema registrou queda de 21% para 7,3% no mesmo período. Mas o presidente Hugo Chaves quer mais: decidiu atacar diretamente o estado de miséria em que ainda vivem 2,5 milhões de venezuelanos. Com este objetivo acaba de lançar o programa "Missão Filhos da Venezuela", que prevê a transferência de 430 bolívares ( R$ 180) por mês para crianças e adolescentes menores de 18 anos que vivem em situação de extrema pobreza no país. Dependentes com deficiência poderão receber 600 bolívares – cerca de R$ 250.
No Brasil a presidente Dilma enfatiza suas metas de erradicação da miséria. Na mesma linha segue outros presidentes da América do Sul, como a Argentina, onde a presidente Cristina Kerschner disse em seu discurso de posse para o segundo mandato, que combater a concentração de rendas é uma de suas metas.

É, o nosso continente deu uma ligeira adernada para a esquerda e a despeito da crise mundial, está conseguindo encarar de frente o monstro da miséria extrema.Que os anjos digam, amééémmmm!!!

Nenhum comentário: