4 de janeiro de 2012

Sabedoria popular

As pessoas idosas, com muita experiência de vida, geralmente são sábias, independente do seu grau de instrução. Conheci um cidadão que, na sua simplicidade era um poço de sabedoria. Era o seu Pedro, pai de 16 filhos que sempre fazia questão de manter a família unida. Um dia os filhos quiseram sair de casa para procurar novos horizontes, cada um tomando nas mãos o próprio destino. O velho Pedro ficou muito preocupado e convocou uma reunião familiar. Antes de começar a dar sua opinião sobre a partida dos filhos, pediu que cada um deles entrasse na mata e cortasse uma vara de metro e meio de comprimento e um dedo mindinho de grossura. Assim foi feito.

Cada um dos 16 filhos chegou com o pedaço de madeira na mão e todos ouviram silenciosamente a recomendação do pai: colocaram as varas juntas e amarraram. O pai ordenou: peguem o feixe e tentem quebrá-lo ao meio. Todos tentaram e não conseguiram. Depois seu Pedro sugeriu que cada um pegasse a sua vara e tenta-se quebrá-la. Fizeram mais do que quebrar as varas ao meio. Teve filho que quebrou em até quatro pedaços.

Terminada a experiência, veio a sábia observação do patriarca: “Viram só como separadamente as varas ficam frágeis? Juntas não há quem consiga quebrá-las”. A lição a tirar dessa parábola é a seguinte: quando há união a família fica forte, indestrutível.
Assim é a família SINDAEN. Quanto maior for o número de associados e quanto mais unidos estivermos em torno do sindicato, mais forte seremos.

É assim que o SINDAEN inicia o ano de 2012: unindo a categoria e todos os saneparianos voltados para o mesmo objetivo. A união faz a força, segundo um conceito que todos conhecem. E é com base neste conceito conhecido e seguindo o exemplo do velho e sábio Pedro que vamos encarar o novo ano que começa.


Adalberto Pereira Borges – presidente do SINDAEN

Nenhum comentário: