24 de fevereiro de 2012

Funcionalismo pode parar o Paraná

Greve em várias categorias do funcionalismo público estadual. Se todos os indicativos forem levados a termo, o PARANÁ PÁRA, com perdão da cacofonia. Em vias de cruzar os braços estão professores da Rede Estadual de Ensino e das universidades e as polícias civil e militar. Mas o clima de descontentamento atingetambém os agentes penitenciários e os profissionais da saúde.

Nenhum comentário: