21 de agosto de 2012

Que os anjos digam, amém!

Um projeto do  deputado estadual Professor Lemos (PT) aponta a metralhadora do Estado para os que se enriqueceram com o erário. Se virar lei, certamente será criado um mecanismo que possibilite a investigação a partir dos sinais exteriores de riqueza. O bom disso tudo, é que pode ser um bom precedente para que outros estados sigam o exemplo e quem sabe, o Congresso Nacional se explique.
Lendo a nota sobre o assunto no blog do Esmael, garrei a pensar: se a coisa for pra valer, já pensou quanta gente não vai cair do cavalo? Aqui em Maringá seria uma festa.

Um comentário:

jeferson disse...

Se essa lei tiver retroatividade, em Sarandi vai ter ex prefeito que entrou falido e enricou, que não vai mais dormir...