13 de maio de 2014

Sem dúvida, um fenômeno de comunicação

Benedito Cláudio Pinga Fogo de Oliveira era mesmo um fenômeno de comunicação. Confesso que não o tinha nas minhas relações de amizade , mas devo reconhecer que há muito tempo o rádio maringaense não tinha um comunicador como ele. Até na hora da morte esse seu poder de comunicação se manifestou. Fiquei sabendo da morte do Pinga Fogo hoje às 6h30 da manhã, vejam só, por meio de um morador de rua, que me abordou em frente a uma padaria da Avenida 19 de Dezembro para pedir um trocado. Dei-lhe  uma moeda de R$ 1,00 e em seguida ele me deu a notícia: "Viu quem morreu hoje? O Pinga Fogo. Fiquei sabendo agora na Rádio Nova Ingá". O morador de rua tinha dormido sob uma marquise , abraçado a um radinho, cuja sintonia, quase fixa, era na Nova Ingá AM.

Nenhum comentário: