Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2013

Maringá e a metáfora da bola quadrada

Maringá é uma cidade completa, não precisa mais de infra-estrutura, porque tudo aqui está pronto. É , metaforicamente, uma cidade redondinha, que vai muito bem, obrigado, mas desde que pés inábeis não façam , como ocorre hoje, ficar quadrada a bola do jogo. A cidade precisa sim, de obras estruturantes, principalmente no quesito mobilidade urbana. Mas nada que exija grandes intervenções, que demande grandes projetos e muitos recursos. As últimas duas obras de peso estão por ser concluídas. Custam o olho da cara e são feitas com recursos federais , com a devida  contrapartida do município que é de 20%. Mas ao lembrar do Novo Centro e do Contorno Norte, necessário se faz observar o seguinte:
Novo Centro - O rebaixamento da linha férrea começou em 2004, com valor estimado de R$ 43,8 milhões e com prazo de 40 meses para terminar. Já se vão mais de  8 anos e, nas asas de aditivos, o custo já ultrapassa a casa dos R$ 100 milhões.
Contorno Norte – Há que  se  tirar daquela via expressa o termo …