19 de maio de 2015

ENFIM, CHATÔ,O FILME


Será que o ator-diretor Guilherme Fontes vai dar a volta por cima? Ele foi acusado de captar dinheiro para produzir “Chatô, o Rei do Brasil” e desviar parte da grana. Sem mais dinheiro, teve que parar o projeto e colocar o filme (inconcluso) no arquivo morto da história do cinema nacional. Por conta disso, foi processado e em algum momento chegou a ser ameaçado de ir parar atrás das grades.
Agora, porém, o filme ficou pronto e deve ser lançado em breve. Quem viu o trailer diz que gostou. Será uma produção de sucesso, tanto de público quanto de crítica, apesar da demora (o filme começou a ser rodado há cerca de 20 anos). Fontes, que parecia ter dado provas de incompetência e desonestidade, deve dar sim, a volta por cima.
O filme , baseado no livro de Fernando Morais , conta a história de Assis Cahteaubriand, o grande magnata das comunicações no Brasil, fundador dos Diários Associados e da TV Tupi. Enfim, foi o homem que trouxe a televisão para o Brasil e que tem uma história rica, em todos os sentidos, inclusive de deslizes éticos.
No elenco, os atores Marco Ricca ( que faz o papel central ), Paulo Betti, Leandra Leal, Eliane Jardini e Gabriel Braga Nunes. 


Nenhum comentário: