8 de junho de 2016

O jantar que apavorou Temer





Um jantar realizado ontem em Brasília reuniu 30 senadores que defendem novas eleições para presidente da república ainda este ano. Para isso, pretendem derrubar o impeachment e negociar com Dilma Rousseff a sua renúncia em favor de um novo pleito, que seria no momento, a única forma de pacificar o país. Para barrar impedimento são necessários 27 votos e se os 30 decidirem em bloco que votarão contra, Dilma volta ao Planalto, onde ficaria até janeiro, quando um novo presidente eleito em outubro assumiria. O jantar foi promovido pelo senador Paranaense Roberto Requião, líder do movimento, que já provocou desarranjo intestinal no Palácio do Planalto e na Esplanada dos Ministérios.

Nenhum comentário: