5 de março de 2016

Falta simetria e com assimetria Lula apanha sozinho, mas cresce e incomoda muito mais...





É uma palavrinha chata, que mais parece coisa de gente metida a besta, mas por estar no Aurélio e com tradução muito simplificada, ela certamente entrará com tudo no vocabulário popular. Refiro-me a SIMETRIA que nada mais é do que um sinônimo de paridade, “altura, largura e cumprimento das partes necessárias para compor um todo”.

Está claro, então que , o que está faltando no comportamento da mídia e, porque não, do Ministério Público, da Polícia Federal e até da Justiça, juiz Sérgio Moro à frente, é simetria. Ou seja, falta paridade na avaliação dos fatos políticos que a Operação Lava-Ajato vem gerando.

Muito interessante uma entrevista que li há pouco no portal UOL, do filósofo Vladimir Safatle, da USP, sobre os últimos acontecimentos que balançaram o coreto da república. Diz ele , reconhecendo a importância da Operação Lava-Jato, “ que seria pesaroso perder o que se oferece à sociedade com a investigação e o debate da corrupção pública   mas pairam incertezas  sobre a parcialidade”. Verdade: falta simetria e sobra assimetria, o antônimo de paridade.

“"A simetria significa que todos os atores envolvidos serão punidos. Porque uma coisa é clara: toda e qualquer pessoa que atentou contra o bem comum, que utilizou da sua posição de governo para adquirir benesses em relação ao bem comum, seja para si próprio, seja para seu grupo, merece ter uma punição exemplar. Não há o que se discutir nesse ponto. O que há de se discutir é: todos precisam passar por isso. E o que a gente está vendo é que isso não está acontecendo até agora."
O problema, segundo o filósofo, é que se o país continuar com esse sistema de assimetria o tiro vai acabar saindo pela culatra. Não dá pra imaginar que Lula, tratado desigualmente em relação a figuras de peso que a ele se opõe, vá deixar tudo como está para ver como é que fica. Na entrevista coletiva que deu  ontem após sair do depoimento para onde foi levado coercitivamente, mostrou que não está prostrado. Pelo contrário, vai a partir de agora correr o país pra botar fogo na fundanga. E podem acreditar: o juiz Moro vai tentar pará-lo com uma provável decretação de prisão preventiva. Preso, Lula aprofunda seu status de vítima, podendo evoluir para mártir. E é aí que mora o perigo.


Nenhum comentário: