4 de março de 2011

É o papo que rola nos corredores do Araucária

Ele pede além da conta, quer ser mais do que os outros colegas de primeiro escalão e fica mais na Casa Civil do que na sua secretaria, distante 10 quilômetros do Palácio das Araucárias. Por tudo isso, é chamado no governo de "esquenta banco", "espalha brasa" e "Conteiner" . Um doce de cajá para quem adivinhar de quem se trata.

Nenhum comentário: