16 de outubro de 2010

Requião entrega Serra

"Lei de ICMS de Serra para pagar na ponta do consumo e não da produção tirou 40 bilhões do nosso Paraná. Beneficiou SP".

. De Requião, em seu twitter

2 comentários:

jose neto sobrinho disse...

A propósito disso, e como o Serra é mentiroso, envio algumas considerações para que todos saibam o quanto o "onipresente" mente: FAT,que ele "criou": O FAT, que reuniu o PIS e PASEP no mesmo fundo, foi criado pelo Projeto de Lei 991/1998, de autoria do deputado Jorge Uequed, do PMDB/RS, aprovado após parecer favorável do então deputado Francisco Dornelles, hoje no PP. O projeto foi transformado em lei no dia 11.01.1990 (Lei nº 7998).
SEGURO DESEMPREGO: Foi criado pelo Decreto 2283, de 27.11.1986, pelo Presidente Sarney. Na época, Serra era Secretário de Economia e Planejamento de São Paulo, no governo de Montoro.
GENÉRICOS: Jamil Haddad, do PSB e Ministro da Saúde no Governo Itamar Franco é o responsável pelo Decreto 793 de 05.04.1993 que, pela primeira vez, regulamentou os genéricos no Brasil. Quando Serra assumiu o Ministerio da Saúde, no governo FHC, os genéricos já eram produzidos no País. Como se vê, o homem, além de ser um bifacial, quer se apossar de tudo o que foi feito por outros e, na maior cara dura, quer ser o "dono" de tudo o
que ele deu sequência, o que é uma enorme diferença, nao? E aí, vamos ficar quietos? Atente para as datas e veja o tamanho da enganação desse tucano. Neto

jose neto sobrinho disse...

Gostaria que corrigisse o ano do Decreto Lei do Fat. O correto é 991/1988 e não 991/1998, com anteriormente enviado. Neto