2 de abril de 2011

Entenda a " tenda "


O STF manteve a condenação do Secretário da Indústria e Comércio do governo Beto Richa, em crime cometido quando Ricardo Barros era prefeito de Maringá. O episódio que gerou a ação do Ministério Público, deu processo e depois condenação de primeira e segunda instâncias. Refere-se àquela cortesia com chapéu do povo, aos devedores de IPTU que fossem amigos do rei. Até vereadores davam desconto em carnês, geralmente de aliados, muitos deles financiadores de campanha. O escândalo ficou conhecido como "Tenda dos Milagres", nome inspirado em um romance de Jorge Amado, que virou seriado da Rede Globo.
Esse fato mostra quão generosa é a nossa justiça para com "amigos" do erário. Em um país sério, daria cadeia, ao invés de pena meramente pecuniária.

Um comentário:

Professor Bonato disse...

Não está nada comprovado, tudo foi/é intriga da oposição.