18 de maio de 2011

Peemedebista à moda Lampedusa

"Penso que o melhor seria convocar uma assembléia geral, com ampla participação, para discussões tipo "lavar roupa suja", com bastante sabão e amaciante,e colocar uma àgua limpa e tentar recomeçar um novo PMDB, onde a fidelidade e o caráter seja requisito básico e onde todos possam ter vez e voz e haja coragem suficiente para excluir os fichas sujas e atrair novos e bons membros, além da valorização da militância. É necessária a renovação e não sendo possível, que haja uma nova postura, onde as decisões sejam compartilhadas de forma democrática. O que não dá é ter pessoas "liderando" chapas, sendo que nas eleições passadas, traíram o partido. Portanto, ou se faz um processo diferente ou nada mudará e se for para ser assim, que fique do jeito que tá, para ver como é que fica".

. Professor Luiz Gonzaga

PS: O PMDB da era Crispim segue à risca a máxima de Lampedusa: tudo muda para tudo ficar como está há muitos anos.

Um comentário:

Prof. Luiz Gonzaga disse...

Penso que o debate das diferentes idéias, sobre diferentes temas, passados, presentes ou futuros é uma forma importante de socializar nossas opiniões e aprender com as opiniões dos outros. Ressalto ainda, que em tempos de pouco disponibilidade para diálogos presenciais, o debate on-line, torna-se uma ferramenta importante pata aproximar as pessoas e quem sabe tornar-las mais felizes e humanas para construção de um mundo melhor. Penso que devemos usar os meios de comunicações modernos para realizar contribuições para a paz e ajudar as pessoas a se entenderem melhor. È com este espírito que passo usar este instrumento de comunicação, convidando a todos para que façamos dessa oportunidade de interação um mecanismo de respeito para com as outras pessoas e deixemos de lado as agressões e calúnias que em nada contribuem com a formação das pessoas. Abraços a todos!