Pular para o conteúdo principal

Briga de egos

É assim que o jornal Paraná Shimbun define os motivos que levaram o prefeito de Maringá a cancelar a Feira Internacional Brasil-Japão. Em matéria de página inteira o semanário da colônia japonesa no Paraná repercute a decisão inesperada de Silvio Barros II, que trará prejuízos financeiros incalculáveis para os organizadores e empresas que já tinham adquirido espaços no Parque de Exposições Francisco Feio Ribeiro. O evento estava sendo considerado como um dos mais importantes das comemorações de 100 anos da imigração japonesa no Brasil.
O anúncio do cancelamento foi feito numa reunião entre o prefeito e os organizadores em Curitiba. Segundo o jornal "o prefeito citou uma carta da Sociedade Rural de Maringá, em que os comerciantes da cidade teriam declarado ter dinheiro suficiente para participar de apenas um dos eventos". Quer dizer, houve receio de que a Feira Brasil-Japão atrapalhasse a Expoingá, embora a Feira Agropecuária esteja programada para maio, um mês antes.
A reunião foi tensa, Silvio se irritou com os questionamentos da comissão. Diz o Shimbun:"Ele rasgou as folhas do flipchart em que estava escrevendo, atirou-as em cima da mesa e abandonou a sala".
O piti do prefeito deixou os japoneses boqueabertos. Ao tentar se explicar depois, Silvio Barros II disse através do seu secretário Shudo Yasunaga, que o consul geral do Japão no Paraná teria manifestado contrariedade à realização da feira em Maringá. O consul Soichi Sato desmentiu categoricamente a informação. A decisão do prefeite de Maringá, que chegou a citar a ressureição de Lázaro (personagem bíblico) para justificar o cancelamento, irritou a colônia japonesa no Estado. Deixou decepcionado até o eterno presidente da Câmara do Comércio Brasil-Japão, ex-deputado Antônio Ueno. Ele já tinha visitado cerca de 80 empresas japonesas instaladas no Brasil e dado seu aval de que a feira seria um sucesso.
Enfim, o prefeito de Maringá acaba de, por conta do seu desmedido ego , da sua falta de visão e da arrogância que traz no DNA,provocar um grande prejuízo político e econômico para a cidade.

Comentários

Anônimo disse…
Aos poucos as pessoas vão se revelando e essa atitude de nosso fraco prefeito pode realmente atrapalhar uma série de empresas que se programaram para esse evento. Não vejo o prejuízo pelo lado financeiro, vejo sim um descompasso na coordenação desse evento desde o início. Decepcionante a atitude de um líder eleito, pessoas nessa posição precisam deixar seu SUPER EGO em casa.

Postagens mais visitadas deste blog

Bolsonaro pisa na bola com o mundo árabe e deixa o agronegócio com a pulga atrás da orelha

O QUE BOLSONARO QUER DE ISRAEL, UMA FÁBRICA DA GLOCK OU OS DRONES ASSASSINOS?

O presidente eleito vive cheio de mesuras para o lado de Israel, mas deixa transparecer um certo ar de provocação ao mundo árabe. O anúncio que fez de levar a embaixada brasileira de Telavive para Jerusalém,  pode criar sérias consequências para o agronegócio brasileiro, que tem nos países árabes seus grandes compradores, principalmente de  frangos e derivados.

Os empresários catarinenses desse setor apoiaram Bolsonaro com todo entusiasmo , mas se a mudança da embaixada se concretizar,  terão muitos contratos cancelados.

Mas afinal, que interesses o Brasil pode ter mais em  Israel do que nos países árabes? E o que o Brasil compra de Israel? Compra quase nada. Talvez Bolsonaro esteja agora interessado nos drones que matam e na vinda pra cá de uma fábrica da Glock. Era dessa marca a pistola que os assaltantes tomaram dele no Rio, onde levaram também a moto e o capacete do  deputado.

Não me recordo de nenhum pr…

Tempos apavorantes,de exacerbação dos sentimentos homofóbicos

O texto é do blogueiro  Luis Modesto, de Maringá:

"Aos que amo, evitem andar só!
Espero que tudo esteja bem contigo ao ler estas linhas. Escrevo para compartilhar um aperto que tem convivido de forma conflitante com a esperança em meu peito. A cada dia recebo nova e mais impactante notícia sobre a violência que temos sofrido nas ruas e nas famílias. Xingamentos, ameaças, demissões, espancamentos e assassinatos. Todos os dias nos chegam relatos. Sei que teu corpo em transformação te torna alvo. Tua cor, cabelo e roupas te tornam alvo. Teu desejo de uma sociedade mais justa e socialista, teu feminismo, tua defesa do desenvolvimento e da soberania nacional atraem ódio. Discordar pode ser sentença. Nossos dias contemplam as tragédias passadas e veem a roda da história repeti-las sob a mais absurda farsa, dando triste concretude à máxima do autor do 18 Brumário de Luís Bonaparte. Sei que vocês tem sentido insegurança e desconforto em alguns locais públicos e as vezes em suas própria…